Friday, November 24, 2006

APOIO A CRIANÇAS


O PLAN é um programa de apoio a crianças de áreas desfavorecidas, independentemente da raça, religião ou inclinações politicas. Fundado durante a Guerra Civil espanhola por um jornalista inglês, hoje trabalha em diversos paises da América do Sul, África e Ásia com uma filosofia muito particular. Em vez de focar a atençao numa criança em particular, o Plan trabalha em prol da comunidade, esforçando-se para atingir um desenvolvimento sustentado. Assim, entre outras actividades, o Plan fornece os meios e treino para:
- melhorar o acesso a água limpa,
- treinar profissionais de saúde e construir centros médicos,
- educar a população acerca de higiene e nutrição,
- treinar professores, forneccer livros e escolas,
- criar ambientes onde as colheitas sejam melhores,
- ajudar a instituir pequenos negócios para que as comunidades se desenvolvam do modo a tornarem-se autónomas e independentes do Plan.
Tivemos a sorte de nascer numa área do globo onde temos oportunidades, liberdade, sistemas de saúde, educação, protecção... mas podiamos ter nascido no Nenin, ou na Etiópia, ou na Guatemala ou em Timor. E ter de batalhar para obter um pouco de comida, sem ter água limpa para beber, sem sequer mesmo um pingo de esperança. Nao custa nada... e ajudar uma criança é ajudar a humanidade.
posted by Rosario Andrade at
1:45 PM 9 comments
Conheça a Nina e saiba mais AQUI !!

4 comments:

Rosario Andrade said...

Bom dia!
Querida Avelana, obrigada pela divulgação! A ajuda a crianças desfavorecidas é uma causa que todos devemos tentar abraçar, de uma maneira ou de outra. O PLAN é uma excelente maneira de o fazer, nao so porque nao escolhe as pessoas nem por raça, nem por religiao, nem por politica e esforça-se por apoiar um desenvolvimento sustentado das comunidades.
Eu gostaria de me envolver mais com este tipo de acçao, ou com a UNICEF que também apoio, talvez no fututo. Porque as crianças sao a pureza deste mundo e merecem que as deixem viver a infancia de modo saudavel e protegido.
Bjicos

al cardoso said...

Uma obra meritoria, que bom seria nao haver necessidade de existir.

Um bom fim de semana.

Maria said...

Avelana
Já passei aqui três vezes e saio rapidamente. Não consigo aguentar este tipo de coisas. Não consigo!
Mas agora decidi voltar e fazer minhas as palavras do al cardoso.
Obrigada al pela ajuda que me deste.
Obrigada avelana pela publicação do post.
Tem uma boa noite

António Rosa said...

É uma causa importante.

Seremos et's em Urântia?

Abraço.