Monday, September 04, 2006

O Centro de Dia

Estas são as futuras instalações do Centro de Dia. O Projecto já está aprovado . Falta só (!) reconstruir...

No entanto, e dado que em Avelãs de Ambom a população é na quase totalidade idosa, muitos habitantes têm mais de oitenta anos, com uma dura vida de trabalho em cima, dificuldade em se deslocar e carenciados muitas vezes de assistência, decidiu-se dar início ao APOIO DOMICILIÀRIO, que funcionará em instalações provisórias. As aldeias desta zona sofreram a desertificação , consequência da forte emigração dos anos sessenta e da falta de condições minimas em infraestruturas e dos baixos rendimentos da agricultura. Hoje , o contexto socio-económico e cultural é outro mas os novos de outrora não voltaram e os mais velhos ficaram à sua própria mercê, na maior parte dos casos.
Inicialmente , O Apoio Domiciliário visitará esses idosos, servindo uma refeição diária, levando medicamentos, trazendo a roupa para ser lavada no Centro Provisório e acompanhando com uma palavra de carinho e estimulo todos eles.

Entretanto, no Domingo, decorreu a venda do terreno que a Junta de Freguesia leiloou para angariação de fundos e que rendeu cerca de 10500€.

Fotos de Avelãs de Ambom , de Sara Sequeira

10 comments:

Xica said...

Oi
Passei muitos anos pela Guarda (estudei na Covilhã). Confesso q não conheço Avelã de Ambom, mas faço questão de um dia visitar-pelas tuas imagens parece muito gira. Adoro as nossas aldeias típicas em pedra. E a vossa parece muito simpática. Gostei da casa onde se fará o centro de dia. Os nossos idosos merecem apesar de hoje em dia serem, em muitos casos, tratados como empecilhos. Parabéns pela vossa coragem apesar de remarem contra a maré (fora dos grandes centros rema-se sempre e ainda mais no interior).

greentea said...

ainda bem que conseguiram vender os terrenos e vão avançar com o Apoio Domiciliário, mesmo em precárias instalações.

Um abraço

avelana said...

ola, xica

o projecto vai mesmo para a frente, aqui não se olha para trás
e posso dizer-te desde já que este ano temos o prazer de poder dispôr de uma barraca de venda de artesanato na festa da Guarda-Estação.
Temos artesanato, mantas tradicionais, rendas , mel serrano puro, broas e bolinhos caseiros. Proximamente, farei uma exposição destes artigos e refiro desde já q aceitamos encomendas dos mesmos. No entanto se quizeres vir visitar-nos a 23 ou 24 de Setembro o nosso stand de vendas estará presente pela primeira vez este ano na Festa da Estação da Guarda!!!
Esperamos por ti .

as velas ardem ate ao fim said...

é sempre bom sabermos que o nosso país vai sendo reconstruindo...
gostei de er.
bjinhos

António Rosa said...

A coisa está ir, não é, Avelana? Com esforço, mas também com determinação.
bjs

Leticia Gabian said...

Fico muito feliz em saber do sucesso da venda do terreno e que já começam os trabalhos da casa do Apoio Domiciliário. É um trabalho importante, além de lindo, este feito por vocês. Me comovem muito os idosos, principalmente aqueles esquecidos e entregues à própria sorte. Quando estiver com eles diga que uma amiga do Brasil manda carinho, mesmo estando longe e ausente.
Um abraço forte pra ti.

EuMulher said...

Vim agradecer a tua visita ao meu blog. Tenho de voltar aqui com mais tempo para ler com calma . Beijinhos

Lâmina d'Água, Silêncio & Escriba said...

Aceitam uma voluntária???

Não sei o que há, mas adoro essas pedras...

Beijinhos de boa noite!!!
Cris

greentea said...

estas pedras são fabulosas - encerram toda uma história dentro de si.
Também pergunto, como a Lamina d'água, se aceitam voluntários ??

Um bom dia para Avelãs

pitanga said...

É muito bom ver as pessoas engajadas em projetos em prol da comunidade (agora até parecia político fazendo discurso, ainda deve ser efeito dos calmantes do fim de semana). Mas realmente quando as coisas são feitas de boa vontade tudo anda.
beijos