Saturday, February 24, 2007

Mãe Terra

A Terra é a nossa mãe. Dela recebemos a vida e a capacidade para viver. Zelar por nossa mãe é a nossa responsabilidade e, zelando por ela, zelamos por nós próprias. Todas as mulheres são manifestações da Mãe Terra em forma humana.
Assim diz a Declaração das Mulheres Indígenas em Beijing/China na Conferência da Onu em 1995.
Diante dessa afirmação tão atual, devemos unir mais forças para a construção de uma sociedade sustentável baseada no respeito fundamental pela natureza e pelos direitos humanos, objetivando a evolução da vida e dos seres humanos.Estamos aqui para isso!
Essa é a base para a construção de uma sociedade em que a exclusão social, as intolerâncias, a falta da cultura da paz e injustiças sociais, raciais e econômicas não tenham mais vez, nunca mais!

Quando queremos bem a alguém, ou amamos essa pessoa devemos declarar constantemente esse amor, através de atitudes, olhares, pequenos gestos, responsabilidades a essa pessoa. Se a magoamos constantemente com palavras rudes, violência ou falta de perspectivas futuras, enfraquecemos o ser amado. A auto-estima dele se enfraquece e enfraquecem todos que estão a seu redor. Assim é com o Planeta e com todos os seres viventes dele.
Seres humanos são iguais nos seus princípios de vida, independentes de cor, religião, nacionalidade, etnicidade, gênero, etc. Mas, na realidade as diferenças existem e se reforçam por uma questão de sobrevivência contra sistemas de poder, impostos desde os primórdios da civilização...


Podemos agir de várias maneiras, lembrando sempre que a melhor delas continua sendo a implementação nossa permanente reforma interior, a expansão da consciência... Mas, enquanto ainda estamos no caminho, que tal darmos uma melhorada em nosso dia-a-dia, em nossa maneira de viver, de utilizar as várias formas de energia, tendo o cuidado de escolher com sabedoria os produtos que consumimos, os programas aos quais assistimos, nos tornando em todos os sentidos seres humanos cada vez mais completos, respeitando o meio-ambiente a cada movimento que damos, seja em nossa casa, seja em nosso local de trabalho ou em nossos momentos de lazer.Outra idéia é a de abrir no STUM uma área específica para tratar de defender a Mãe Natureza de tantas agressões, focando o que de bom está acontecendo hoje no mundo em termos de energias renováveis, não poluentes, utilizando amplamente a força dos elementos como a energia solar, eólica (do vento) para gerar energia elétrica e das marés, em seu incessante movimento lunar... Sem nunca esquecermos dos processos orgânicos de produção de alimentos, onde os agrotóxicos são substituídos pela harmoniosa combinação de diversos tipos de plantas cujas características combinadas repelem naturalmente as pragas... uma sabedoria milenar. Agora mesmo podemos começar a deixar neste Blog sugestões, idéias, dicas e insights. Outros poderão ler e comentar por sua vez, ampliando e implementando os conceitos originais. V. poderá também deixar sua opinião quanto a uma abertura maior do STUM para a questão ambiental ou poderá nos enviar neste endereço textos inéditos referentes ao tema para serem selecionados e publicados.

6 comments:

Ana Patudos said...

Subscrevo inteiramente tudo o que aqui escreveste. O Homem parece que ainda não percebeu que sem o nosso Planeta Terra saudável, ele próprio não sobrevive, podendo até ser extinto, tal a sua ganância pelo lado material, só olhando para o seu umbigo.
beijos
Ana Paula

avelana said...

ANA

eu acho que já nem olha para o umbigo...porque se olhasse pensaria um pouco no seu amanhã...

beijinhos para ti

sa.ra said...

A Terra não nos pertence, nós é que pertencemos à terra!

a nossa própria transformação é o caminho para uma tranformação do mundo!

olhar para dentro e mudar em nós o que está errado (o que causa sofrimento, poluição, destruição) é o desafio mais importante a que devemos aspirar!
a ecologia interior, a limpeza daquilo que que "suja" os nossos pensamentos, sentimentos, palavras e acções é a via para a ecologia exterior - mundo limpo ,saudável,fértil, equilibrado, justo, honesto, e harmonioso por dentro e por fora, um-a-um!
:)

beijinhos
parabéns pelo texto!
obrigada!

Hanah said...

Certamente Avelana

Conscientização, Educação e troca de informaççoes é fundamental...

tocar o coração das pessoas que ainda estão sem saber o que tudo isso significa....

beijo grande...

boa semana

hanah

greentea said...

recebi esta informação por mail , também e já fiz comments no blog q eles indicam

Um texto muito importante

Maria said...

A Terra apenas nos foi emprestada enquanto cá estivermos.
A nossa obrigação é preservá-la, para a deixar em condições melhores ainda (se possível) aos nossos filhos...

Beijo